• Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista
  • Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista
  • Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista
  • Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista
  • Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista
  • Foto af Travessia Araçatuba até Monte Crista

Moving time  15 timer 30 minutter

Tid  3 dage 7 timer 29 minutter

Koordinater 9630

Uploadet 3. juni 2018

Optaget juni 2018

-
-
1.662 m
-25 m
0
14
27
54,91 km

Vist 342 gange, downloadet 27 gange

tæt på Sítio Amadeu F. de Paula, Paraná (Brazil)

A travessia do Pico Araçatuba (PR) até o Monte Crista (SC) começa na logística. O deslocamento começou de madrugada, até a base do Monte Crista na cidade de Garuva (SC), onde os veículos ficaram estacionados durante o período de 4 dais. É cobrado uma diária de R$15,00 pelo estacionamento, e mais uma taxa de R$3,00 para auxiliar na manutenção da ponte pênsil que há no local, para a travessia do rio. De lá seguimos de van até a base do Pico Araçatuba, que fica na localidade do Matulão, já no Paraná.
Assim que saiu o sol, começamos a caminhar. Logo no início nos abastecemos com água, pois só voltamos a encontra-la no final deste dia. Sem perder muito tempo alcançamos o topo dos 1673 metros de altitude do Pico Araçatuba, paramos para os devidos registros e seguimos para o tal do inferno verde. Um inferno de chato, é verdade. Em seguida vem o Morro da Baleia e as estradas no meio dos pinus, onde acampamos a primeira noite.
O dia seguinte amanhece e tocamos o passo pelas estradas. Almoçamos próximo ao rio e uma pequena cachoeira. Até então os córregos de água não estavam muito abastecidos visto a baixa precipitação dos últimos dias. Já no fim do dia, alcançamos finalmente os campos do Quiriri, mas ao mesmo tempo uma chuva ameaçava cair sobre nós. De início não veio com força, e nos presenteou com um lindo arco íris. Era tarde da noite quando a chuva veio, com força. Era uma frente fria, mudou o cenário da travessia dali em diante.
No terceiro dia amanheceu, mas não clareou muito. O tempo estava nublado, visibilidade limitada à 30 ou 50 metros. Seguimos jornada pelos campos, mas a bela paisagem do dia anterior não iria se repetir. Tivemos um dia de fortes ventos, dificuldade de navegação, chuva torrencial, lama e escorregões. Rumamos para a casa de pedra do Alto Quiriri, na região dos Campos dos Sales (necessária autorização para o seu uso). Foram raras as aberturas da janela de neblina neste dia.
O último dia da travessia também amanheceu nublado, mas sem chuva, o que para nós já era um alívio. Cruzamos para o outro lado do rio e partimos para a descida do Monte Crista. Sem visibilidade, caminhamos rápido. Chegamos na base por volta das 14h daquele dia.

----------------

To start this trekking, you must care about the logistics. We started moving during the night heading to the Monte Crista’s base camp, in Garuva, state of Santa Catarina. We parked our cars there, and we had to pay R$15,00 for each day the cars stayed there, and also R$3,00 to cross the bridge. From Monte Crista, we took a van heading to Pico Araçatuba, in a place called Matulão, state of Paraná.
As soon the day started, we began to walk. Near the beginning there is a small river, we collected fresh water there for the whole day. Soon we were at the summit of Pico Araçatuba, and then we walked to the Inferno Verde and after Morro da Baleia. To finish the day, we camped in the street, pinus’ area.
The second day started and we began to walk over the streets. We had a lunch near a small river. Almost in the end of the day we reached the Campos do Quiriri. We saw na amazing rainbow, announcing that there is rain coming.
The next day started very cloudy, low visibility, 30 to 50 meters only. We walked throughout the Quiriri, without seeing anything. Strong winds, heavy rain, navigation difficulties, mud... it all turned our beautiful journey in something hard to overcome. We stopped at the Alto Quiriri shelter (you need autorization to stay there).
The last day dawned cloudy too, but with no rain. We crossed the river and started to descend the Monte Crista. Without visibility, we walked fast, reaching the base camp at 2 p.m.
Fresh Water
Araçatuba's Summit
Baleia's Summit
Fresh water under the bridge
Área de acampamento na rua, para várias barracas. Ao lado do Rio. Camping area in the street, for many tents. Near by the river with fresh water.
Fresh Water
Água, cachoeira e local para banho. Fresh water, waterfall and a place to swim.
Fresh Water
Camping Area for many tents.
Fence
Fresh Water
Fence
Gate
Ciser's Farm
Gate
Fence
Uma casa na montanha feita de pedras, com forno a lenha e banheiro. A mountain cabin made of rocks, with wood oven and bwc.
Três Barras' River (fresh water)
Cabem 4 barracas grandes. Camping area, 4 big tents.
Para 3 barracas, exposto a vento. Camping area for 3 tents, wind exposure.
Camping area.
Manoel Rodrigues' River - Fresh water.
900 Plateau
Fresh Water
Rock's belvedere
Glade
Fresh Water
Fresh Water
Fresh Water
Crista's River

1 kommentarer

Du kan eller denne rute